Recolha Seletiva

A Algar oferece um serviço integrado de soluções, que passa pela recolha e tratamento de resíduos, relação com o cidadão ou consultoria.

 

Para o desenvolvimento da sua atividade, a Algar possui infraestruturas distribuídas por todo o Algarve. Consulte nos contactos o local onde estamos perto de si.

Soluções integradas

 Conheça, em detalhe, os vários serviços que prestamos aos municípios, às empresas e à população em toda a região do Algarve.

Recolha Seletiva de Resíduos de Embalagens Recicláveis (Ecopontos)

A Algar é responsável pela recolha seletiva de embalagens nos ecopontos existentes nos 16 Municípios da região do Algarve (Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Faro, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Tavira, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António), servindo uma população de cerca de 440 mil habitantes, numa área total aproximada de 5.000 km2.

 

Esta atividade, essencial ao funcionamento das Unidades de Triagem, funciona como um serviço de proximidade com as populações e assume vários formatos, dada a necessidade de adaptação a cada área geográfica e a cada grupo-alvo: recolha por ecopontos e recolha porta-a-porta junto do pequeno comércio, restauração e serviços no âmbito do projeto “Algarlinha”.

 

A Algar dispõe de 2600 ecopontos na via pública destinados à deposição seletiva, disperso por todo o território Algarvio e mantém uma frota de cerca de 57 viaturas de recolha. Este serviço é assegurado com o recurso a sistemas de informação geográfica e às mais recentes metodologias, com o objetivo de otimizar rotas e percursos, monitorizar graus de enchimento dos contentores e garantir níveis de eficiência elevados.

 

A Algar possui também 13 ecocentros, utilizados para a deposição seletiva de recicláveis não embalagens, para a deposição de monos e resíduos verdes. 

 

 

 

 

 

 

 

Algarlinha (recolha seletiva porta-a-porta pequeno comércio e serviços)

Recolha gratuita de resíduos de embalagem porta-a-porta, junto do pequeno comércio, restauração e serviços.

 

Modo de funcionamento:

  • A Algarlinha entrega sacos para a deposição dos resíduos recicláveis de embalagens recicláveis de papel cartão, plástico, metal/ECAL (embalagens de cartão para alimentos líquidos) e embalagens de vidro;
  • Todo o material recolhido no âmbito do serviço prestado, deverá estar separado e limpo de contaminantes. As embalagens, sempre que possível, devem ser escorridas e/ou espalmadas antes de serem colocadas nos sacos: verde, amarelo e azul, respetivamente;
  • Os sacos cheios e fechados são recolhidos;
  • A Algarlinha repõe sacos vazios em troca dos recolhidos.

 A Algarlinha é uma vantagem para o Ambiente, mas a sua colaboração ativa é imprescindível para que este projeto tenha sucesso.

 

Contactos.

Linha Verde: 800 915 331

Email: algarlinha@suma.pt

 

O horário de atendimento telefónico realiza-se em dias úteis de segunda a sexta:

09h00-13h00

14h00-18h00

Receção de Resíduos nas Infraestruturas

A produção contínua de resíduos exige soluções que permitam fornecer um serviço adequado à sua correta receção/armazenamento e posterior valorização, tendo em conta a sua natureza. Para esse efeito a Algar dispõe de infraestruturas (8 Estações de Transferência, 13 Ecocentros e 2 Aterros Sanitários) devidamente equipadas, respeitando as normativas da qualidade, ambiente e segurança, distribuídas geograficamente pelo Algarve que asseguram uma resposta a essa procura. Anualmente a empresa receciona cerca de 400 mil toneladas de resíduos urbanos que são produzidos pelos 450 mil habitantes existentes na região, número que quase triplica durante o período de verão.

 

A tipologia de resíduos aceites em cada infraestrutura da Algar difere de acordo com os critérios de admissibilidade estabelecidos pela própria empresa, pelo que aconselha-se a contactar previamente a instalação onde deseja efetuar a descarga.

 

Resíduos passiveis de admissão nas instalações da Algar:

  • Resíduos Urbanos (indiferenciados)
  • Resíduos Volumosos (monstros)
  • Resíduos Verdes
  • Resíduos Industriais Banais (não perigosos)
  • Pneus
  • Resíduos de Construção e Demolição
  • Resíduos de Embalagem (papel/cartão, plástico/metal, vidro e madeira)
  • REEE (resíduos de equipamentos elétricos e eletrónicos, lâmpadas, tinteiros e toners)
  • Pilhas e Acumuladores

 Condições gerais de deposição:

  • ATERROS SANITÁRIOS - Não existem quantidades máximas diárias admissíveis para a deposição de resíduos.
  • ESTAÇÕES DE TRANSFERÊNCIA - Quantidades máximas admissíveis: 30m³ ou 10t/dia (aplica-se a Resíduos Urbanos, Verdes e Monos); Resíduos embalagem não apresentam limite de descarga. 
  • ECOCENTROS - Não recebe indiferenciados; Quantidades máximas admissíveis: 5m³ ou 1t/dia; Resíduos de embalagem não apresentam limite de descarga; As viaturas que fazem as descargas não podem exceder as 12 t.

Convidamo-lo a consultar, no menu Clientes, em "Entrega de Resíduos", os mapas com a localização geográfica de cada uma das nossas instalações por concelho e a verificar a que disponibiliza os serviços que pretende, mais próximo da sua área de residência.